Subir
Imagem alt

Suor e bem estar

DE NORTE A SUL: As aventuras de um casal carioca no litoral alagoano

Por Antonio Maria do Vale

Thiago é especialista em Engenharia de Segurança do Trabalho, amante da natureza, da praia e do Futevôlei. Camila é cirurgiã-dentista, ama praia, atividades físicas (sempre leva a cordinha de pular na mala) e comer. Juntos eles formam o Casalventura e possuem um blog onde dão dicas sobre viagens, gastronomia e esportes. Moram no Rio de Janeiro, frequentam sempre a academia e exploram muito bem a cidade maravilhosa, indicando os melhores destinos para quem busca se divertir ou apenas relaxar.

Como adoram conhecer novos lugares, decidiram avançar Brasil a fora. E na estreia no Nordeste adivinha por onde resolveram começar? Aportaram em terras alagoanas e o roteiro foi dos melhores, de norte a sul do estado. Com tempo curto a viagem não poderia ser diferente, intensa. E fizeram mágica durante os seis dias. No litoral sul ficaram na Barra de São Miguel, no Gungaporanga Hotel, e conheceram a praia do Francês, “com sua beleza proporcional a chatice dos vendedores ambulantes”, ressaltou Thiago.

Mas, depois, só elogio. “A praia da barra de São Miguel, linda, com águas claras, mornas e calmas, é excelente para banho e com uma estrutura muito boa. Visitamos o Praêro Beach Club e a praia do Gunga, com sua imensidão de coqueiros e seu mirante. Fomos até Lagoa Azeda num passeio de buggy com tanta emoção que Camila quase voou do veículo várias vezes!”, descreveu Thiago, contando que o passeio pelo sul ainda teve a passagem pela foz do Rio São Francisco, em Piaçabuçu. “Um lugar encantador, de rara beleza e história fascinante!”.

Percorreram a orla de Maceió e seguiram rumo ao litoral norte, ficando hospedados na Pousada do Alto, em Japaratinga. “Optamos por Japaratinga por ser menos turística que a vizinha Maragogi e, sendo assim, mostraríamos uma alternativa mais tranquila e igualmente bonita”, explicou o casal. Por lá conheceram a Praia do Salgado, o Mirante, as piscinas naturais, as Barreiras do Boqueirão, Porto de Pedras, um pouco da rota de charme até a praia do Patacho e ainda fizeram o imperdível passeio pelo rio Manguaba, onde é possível avistar o peixe boi marinho e um belo por do sol. Ufa!

E levaram a mala cheia dessas lembranças e de muitas histórias pra contar. Ao chegarem a Japaratinga, por exemplo, já no check in na pousada, ao perguntar sobre um banco, o recepcionista disse a Thiago que poderia pegar sua moto e ir lá que era pertinho, rapidinho. Em Maceió, tiveram a companhia de um taxista “super gente boa, ex boia fria. O Sérgio, que é a humildade em pessoa, sempre colocando o cliente em primeiro lugar a ponto de dar o carro para deixa-lo mais a vontade. “Amamos Alagoas e os alagoanos”, disseram o casal, lembrando que na lista das coisas inesquecíveis incluiriam ainda o caldinho de sururu e o sol das 6 da manhã. “Aqui o sol do meio-dia já aparece às 6h. Ao menos no Rio esse sol só bate ao meio-dia (Rsrs)”, brincou Thiago.

As imagens falam por si só nessa aventura de dois apaixonados por boas recordações. Vindo para Alagoas, não poderia dar em outra.

Oquê achou dessa postagem?